Empresas de Energia Solar: 4 Cuidados para Comprar Energia Solar

empresas de energia solar
Empresas de Energia Solar: 4 Cuidados para Comprar Energia Solar
4.6 (91.43%) 14 votes

Os constantes aumentos nas tarifas de energia elétrica, e a insegurança devido a quantidade insuficiente de chuva em diversas regiões do Brasil, têm feito empresas de energia solar aflorarem no mercado, pois essa é uma tecnologia econômica e segura para cada vez mais consumidores. 

Contudo, conforme aumenta a quantidade de consumidores buscando comprar energia solar, maior é a quantidade de empresas desse setor que se aventuram a atuar no mercado, visando atender esse nicho.

Infelizmente, nem todas essas empresas estão qualificadas para atuar com uma tecnologia relativamente nova, e que precisa de equipamentos de qualidade e profissionais capacitados para garantir o que promete:

Pouca manutenção, economia imediata e ao menos 25 anos de vida útil do sistema.

Neste artigo, nosso consultor comercial, Rafael Xavier, enumera 4 cuidados essenciais que precisamos tomar antes de buscarmos por empresas de energia solar para projetar e instalar um sistema fotovoltaico. 

­­

empresas de energia solar equipamentos qualidade

 

Os #4 Cuidados Essenciais na Hora da Escolher Empresas de Energia Solar Fotovoltaica

#1 – Equipamentos de Qualidade

Pelo fato do setor de energia solar fotovoltaica ser relativamente novo, as marcas de qualidade e referência nacional ou internacional dos equipamentos ainda são pouco conhecidas por leigos e por parte dos consumidores.

Com isso, quem oferece primeiro seu produto consegue criar mais valor sobre o seu fornecedor.

Quanto mais sistemas são instalados utilizando as marcas desses fornecedores, mais elas se fortalecem no mercado.

Mas afinal, quais marcas de fato têm influência no mercado de energia solar e realmente são de qualidade?

Para avaliar isso, existem alguns quesitos básicos como o registro INMETRO e maior tempo de expertise no mercado.

As melhores empresas de energia solar também prezam por trabalhar com equipamentos que passam pelo aval de profissionais qualificados, como professores especialistas e equipe de engenharia.

Os principais equipamentos que compõem um sistema fotovoltaico são os módulos fotovoltaicos (conhecidos como painéis solares) e os inversores solares.

Uma dúvida muito comum sobre esse tema é sobre a quantidade de placas solares (painéis solares) que uma residência precisa. Já escrevemos um post super completo sobre esse assunto, então não deixe de conferir.

Daremos um destaque especial a esses equipamentos:

Módulos Fotovoltaicos – A Placa Solar

Painel Solar

Atualmente (2017), existem cerca de 3 ou 4 marcas de Módulos Fotovoltaicos (Placas Solares) de maior destaque no mercado, e as empresas de energia solar, geralmente, escolhem trabalhar com uma marca que ofereça qualidade, disponibilidade e seja economicamente viável ao consumidor solar.

A Blue Sol, por exemplo, optou por utilizar os módulos da Canadian Solar, pois ela realmente se destacou e é unanimidade no quesito qualidade e disponibilidade no Brasil.

São painéis solares com tecnologia canadense, e que hoje compõem grande parte dos sistemas fotovoltaicos brasileiros e de todo o mundo, e que agora conta com uma fábrica recém instalada na cidade de Sorocaba – SP.

Garantia dos Módulos Fotovoltaicos

Todas as empresas fabricantes de módulos fotovoltaicos oferecem a garantia de geração de pelo menos 80% de seu potencial total durante 25 anos, porém, temos de prestar muita atenção em sua marca por causa de uma simples pergunta: Aonde estará esta empresa daqui a 10, 20 anos?

Se ela não existir mais, ficará muito complicado exigir essa garantia. Por isso a necessidade de utilizar equipamento de marcas já consolidadas no mercado.

Inversores

energia-solar-no-brasil-inversor

No caso dos inversores fotovoltaicos, é preciso seguir a mesma diretriz das placas solares, utilizando marcas de importante relevância nacional e internacional para microgeração de energia.

A empresa austríaca Fronius, por exemplo, fundada em 1945 e que há mais de 15 anos atua no mercado brasileiro, está presente em grande parte dos sistemas instalados no país, e possui qualidade comprovada.

Além da Fronius, existem outras marcas de inversores renomadas como a Ingeteam, especializada em inversores para minigeração e projetos de escala industrial, e a Schneider Electric, renomada no setor de elétrica em geral e que agora também atua no setor de microgeração.

sistema solar comercial

 

#2 – Bons Equipamentos geram Sistemas de Boa Qualidade?

Não exatamente. As empresas de energia solar precisam dar atenção a alguns fatores técnicos primordiais na hora de realizar o Dimensionamento do Sistema Fotovoltaico, que visa analisar a necessidade de geração do cliente.

A potência pico (Wp = Watt de pico), que é a máxima potência gerada pelo painel solar em uma condição ideal, é um desses fatores.

Outro fator que também deve ser observado e utilizado como comparativo é a geração média, que nada mais é do que uma estimativa do quanto um sistema de potência de “X” kWp pode gerar naquela região, mediante um cálculo que utiliza vários premissas e resultados históricos.

Por exemplo, quando vamos comprar um carro, podemos escolher a potência dele. Sabemos que um motor 1.6 é melhor do que um 1.0, certo?

Portanto estamos escolhendo uma potência superior, mas quantos Km este carro faz por litro?

Outras variáveis influenciam o cálculo, que também tem uma sazonalidade, depende dos destinos que você tem com o carro, o tempo, etc.

Portanto, para um sistema solar fotovoltaico, a comparação do que as empresas de energia solar podem oferecer tem que ser feita pela potência de um sistema, e não somente pela qualidade dos equipamentos e energia gerada.

É preciso estipular uma geração média no futuro com base nos dados do passado, logo, a base comparativa necessita estar amparada por todos esses aspectos.

#3 – Qualidade dos Serviços

Tão importante quanto os equipamentos e a análise concreta dos fatores técnicos que envolvem o Dimensionamento, a qualidade dos serviços prestados pelas empresas de energia fotovoltaica também demandam sua atenção.

Afinal, de nada adianta um sistema fotovoltaico com ótimos equipamentos, bem dimensionado e projetado, porém mal executado, podendo comprometer a qualidade da geração de energia.

Podemos dividir a execução desses serviços em 3 partes essenciais: Vistoria Técnica, Solicitação de Acesso e Instalação. Essas três etapas de execução, aliadas a um bom projeto, são cruciais para o melhor aproveitamento do equipamento adquirido e, consequentemente, potencializar a geração pretendida. Aqui no Blog da Blue Sol já escrevemos um artigo sobre os passos necessários para gerar sua própria energia utilizando a energia solar fotovoltaica.

Vistoria Técnica

A etapa de Vistoria Técnica checa a viabilidade da instalação no local, desde os aspectos mais básicos como o local no telhado onde as placas solares serão instaladas, observando-se sua inclinação, desvio azimutal (que é a diferença, em graus, entre o norte e a orientação do telhado e influencia no melhor aproveitamento da captação dos painéis), entre outros aspectos presumidos no momento inicial do dimensionamento, usando como base localizações geográficas e que agora vão demonstrar a capacidade real da geração do sistema.

Também se observa com detalhamento as características elétricas do imóvel para disposição da instalação do inversor, onde passarão os cabos e a troca do inversor.

Portanto, neste momento, conta-se muito a experiência da empresa/profissional que fará essa vistoria.

Por isso, quanto maior o conhecimento e número de casos históricos analisados, maior a chance de adequação do projeto no momento inicial, diminuindo imprevistos no decorrer do projeto.

Solicitação de Acesso

A Solicitação de Acesso é uma etapa delicada que envolve um trabalho artesanal e detalhado do projeto elétrico e seus devidos cálculos e layouts, além de um relacionamento próximo e também delicado com as distribuidoras de energia.

Instalação

Por fim, a Instalação é a consolidação de todo o processo visto até agora.

Portanto, contar com a experiência e know-how de uma equipe habituada a este processo, que é muito mais complexo do que uma instalação de um aparelho elétrico, pode ajudar em termos um sistema em plena geração e que será rapidamente aprovado pela distribuidora para logo começar o funcionamento!

energia solar residencial

#4 – A Decisão Final

Conforme foi detalhado nos três fatores anteriores, para escolher a empresa que irá se responsabilizar pelo seu projeto, dentre as diversas empresas de energia solar existentes no mercado, é preciso ficar atento a qualidade do que é oferecido, tanto dos equipamentos quanto do projeto e dos serviços a serem executados.

A análise das experiências de outros clientes também pode ter importante influência nessa decisão.

Agora você já sabe como escolher a empresa de energia solar que vai realizar o seu projeto. Aproveite os ótimos incentivos, como financiamentos de longo prazo e consórcios, que fazem com que cada vez mais  brasileiros queiram utilizar a Energia Solar.

Quer fazer uma simulação do seu Sistema Fotovoltaico e saber o quanto você pode economizar?

simulador de energia solar

 

rafael xavier blue sol

Rafael Xavier é Consultor comercial de apoio ao Integrador na Blue Sol Energia Solar.

 

Sobre a Blue Sol Energia Solar

  • Possui ampla experiência na área educacional do setor de energia solar no Brasil;
  • Conta com mais de 500 casos vistoriados para posterior instalação e inúmeros casos especiais resolvidos;
  • Possui um corpo técnico que já conectou mais de 200 sistemas em 27 concessionárias;
  • Trabalha com equipamentos que passam pelo aval do seu corpo técnico, que é formado por professores dos seus cursos e equipe de engenharia
  • Tem como missão entregar a melhor experiência ao cliente final.

Recomendamos para Você: