Pensando em Adquirir Um Sistema de Energia Solar Residencial? Estas São As 8 Perguntas A Se Fazer

Pensando em Adquirir Um Sistema de Energia Solar Residencial? Estas São As 8 Perguntas A Se Fazer
5 (100%) 1 vote

Painel solar residencial para a geração de energia elétrica é uma oportunidade de economizar muito dinheiro e, de quebra, ajudar a salvar o planeta através de uma fonte de energia renovável.

No Brasil, os preços dos sistemas solares fotovoltaicos nunca estiveram tão baixos e sua eficácia, por outro lado, nunca tão alta.

Com a ajuda de incentivos do governo e linhas de financiamento subsidiadas, instalar o sistema também nunca esteve tão fácil e o tempo de retorno em seu investimento pode ser muito atrativo.

Mas minha casa está apta para receber um sistema de energia solar? Essa é uma pergunta que levanta muitas questões. Conheça todas elas abaixo:

Perguntas Referente a Sua Casa

Para Qual Direção o Seu Telhado Aponta?

Devido à posição geográfica do Brasil em relação ao sol, os telhados voltados para o norte são os mais produtivos para a energia solar.

Mas se esse não é o caso do seu telhado, não se preocupe, pois as perdas obtidas por telhados voltados para o nordeste ou Noroeste são de apenas 3% e 8%, respectivamente, enquanto os voltados para Leste ou Oeste, são, em ordem, de 12% e 20%.

Os telhados voltados ao sul sofrem perdas muito grandes e, nesses casos, só se deve instalar o painel para casas localizadas na região norte do país.

O Seu Telhado Está Sombreado?

Normalmente, o sol atingirá o seu painel por, pelo menos, cinco horas por dia. Se árvores, colinas ou outros edifícios impedem que o sol alcance seu telhado, isso é um problema. (E lembre-se: especialmente em cidades, um prédio alto pode aparecer ao lado no futuro.)

Qual o Tamanho do Seu telhado?

Como o conjunto de placas solares, que forma o painel solar, ficam instalados sobre o telhado, precisamos saber o tamanho dele para conferir se ele conseguirá abrigar o mesmo.

Tomando como base um modelo de placa solar de 265 Watts de potência, de 1,65 m² de área, podemos fazer as seguintes estimativas:

  • casa pequena com 4 moradores, consumo aproximado de 550 kWh/mês, 14 placas, área de 24 a 30 m²
  • casa média com 5 moradores, consumo aproximado de 900 kWh/mês, 23 placas, área de 40 m²
  • casa média com 6 moradores, consumo aproximado de 1250 kWh/mês, 32 placas área de 55 m²

Qual é o Ângulo do Seu Telhado?

O ângulo de inclinação do painel fotovoltaico também é muito importante no resultado de sua geração elétrica.

Para sistemas fotovoltaicos conectados à rede, o ângulo de inclinação ideal do painel deve ser igual ao da Latitude da região onde irá se instalar esse sistema. Para os estados do Brasil, as Latitudes e, consequentemente, os graus de inclinação do painel são:

De Qual Material É o Seu Telhado?

Os painéis fotovoltaicos são presos ao telhado através de um sistema de fixação específico para cada tipo de telhado (fibrocimento, metálico, cerâmico e de barro).

Embora seja possível instalar um sistema fotovoltaico em qualquer tipo de telhado, o sistema de fixação representa uma parte importante do orçamento e, por isso, o tipo de telhado deve ser levado em conta quando estamos preparando uma propriedade para receber energia solar.

Qual Tamanho de Sistema Você Precisa?

Não importa a quantidade de pessoas que moram em sua casa ou o número de equipamentos elétricos que vocês possuem, um sistema de energia solar residencial pode gerar toda a energia que vocês precisam.

A quantidade de energia consumida é facilmente vista através da conta de luz, mas calcular na ponta do lápis o tamanho do sistema que você precisa para suprir esse consumo, aí já é bem mais complicado.

Mas, felizmente, existe uma maneira fácil, rápida e bem precisa para descobrir na hora o tamanho do seu sistema. Através do botão abaixo, você pode acessar um simulador exclusivo, que funciona uma calculadora solar e irá te mostrar todas as informações do seu sistema. Confira:

simulador solar

Perguntas Referente ao Seu Estado

Quanto Custa a Energia Em Sua Região?

Um dos fatores, se não o maior deles, na hora de calcular o tempo de retorno de um sistema fotovoltaico (também chamado de payback) é a tarifa de energia elétrica praticada pela distribuidora.

Ela irá impactar, de forma inversamente proporcional, o quanto você irá economizar com a conta de luz e, por conseguinte, o prazo para você amortizar o investimento no sistema.

Segundo o índice Comerc Solar de agosto de 2018, que elabora o ranking dos municípios pela tarifa de energia elétrica, as cidades onde a energia solar residencial é mais vantajosa, ou seja, onde o payback é menor, são:

 

Fonte: COMERC (http://panorama.comerc.com.br/2018/08/as-cidades-mais-vantajosas-para-instalar-energia-solar)

Perguntas Referente Ao Dinheiro

Quanto Custa Um Sistema De Energia Solar Residencial?

Os sistemas são projetados de forma exclusiva para cada cliente, em virtude de seu consumo e peculiaridades de cada imóvel e localidade.

No entanto, tomando como base o consumo elétrico de equipamentos básicos para qualquer residência, como geladeira, ar-condicionado e máquina de lavar, chegamos aos valores médios abaixo para casas de pequeno, médio e grande porte:

Nível de ConsumoPequenoMédioGrande
Potência do Sistema2 kWp4 kWp8 kWp
Faixa do consumo mensal250 a 350 kWh/Mês550 a 660 kWh/Mês1000 a 1100 kWh/Mês
Preço médioR$14.080,00R$23.040,00R$41.200,000

Os valores acima foram calculados com base no custo médio nacional do watt de energia solar, computados em junho de 2018 pela empresa de pesquisa Greener e divulgados em seu relatório “Estudo Estratégico – Mercado Fotovoltaico de Geração Distribuída – 2º Semestre de 2018”.

Analista de Marketing
Redator e Tradutor