Como é Produzida Energia Solar? Os Detalhes e Motivos Para Instalação em Casas e Empresas

como é produzida energia solar _ capa blog

A energia solar é produzida através dos sistemas fotovoltaicos, compostos pelas placas solares e demais equipamentos do kit de energia solar que juntos transformam a luz do sol em energia elétrica, podendo ser instalados em casas, empresas, agronegócios ou qualquer outro tipo de unidade consumidora.

Essa é uma explicação rápida de como é produzida energia solar fotovoltaica.

Mas aqui neste artigo você irá conhecer em detalhes:

  • O que é energia solar;
  • Como ela é utilizada para gerar energia elétrica;
  • Por que você deveria instalar um sistema fotovoltaico.

Ou seja, irei te mostrar o essencial sobre esta tecnologia que permite a você utilizar a luz do sol para reduzir o valor da sua conta de luz.

Quer saber o quanto pode economizar com energia solar? Acesse nosso simulador e descubra em menos de 2 minutos 👇

simulador solar

Já são centenas de milhares de brasileiros fazendo uso dela em suas casas e empresas, um número que cresce a cada dia no país.

Confira abaixo como é produzida energia solar e como você também pode fazer uso dela:

O que é energia solar?

Em primeiro lugar, é importante lembrar que o termo “energia solar” refere-se à energia do sol.

Por sua vez, esta se divide em dois tipos diferentes, que são:

  • Energia Solar Térmica: é o calor (energia térmica) emanado pelo sol através de suas ondas eletromagnéticas e utilizado para aquecimento, como o da água;
  • Energia Solar Fotovoltaica: é a energia luminosa do sol propagada através de suas partículas, chamadas de fótons, e utilizada para geração elétrica.

Para saber mais sobre essas duas formas de energia provenientes do sol e para que cada uma serve, confira o artigo completo: Tipos de Energia Solar: Painel Solar X Aquecedor Solar

Assim, neste artigo irei abordar apenas a energia solar fotovoltaica, que é a mais utilizada no Brasil e no mundo devido às suas inúmeras vantagens.

Como é produzida energia solar

A produção de energia solar fotovoltaica é feita por meio da tecnologia dos sistemas fotovoltaicos.

Existem duas variações desses sistemas, que são:

  • Sistemas fotovoltaicos conectados à rede (On-Grid);
  • Sistemas fotovoltaicos isolados da rede (Off Grid).

Como o nome já explica, a diferença é que um trabalha em conjunto com a rede elétrica da distribuidora (On-Grid), enquanto o outro funciona de maneira isolada.

De longe, o tipo mais utilizado no Brasil é o conectado à rede, devido ao seu menor custo, manutenção e, consequentemente, maior lucratividade para o consumidor.

No entanto, o processo de captação da luz do sol e sua conversão em energia elétrica são feitos da mesma forma nos dois tipos. 

Painel Solar

As placas solares, tecnicamente chamadas de módulos fotovoltaicos, são as responsáveis por essa primeira etapa da produção de energia solar.

São aquelas placas retangulares, geralmente de cor azul ou preta, que cada vez mais vemos instaladas sobre os telhados de casas no Brasil.

Um painel solar fotovoltaico

Repare que sempre é um conjunto de placas instaladas, ao qual damos o nome de painel solar ou arranjo fotovoltaico.

Por sua vez, cada uma das placas é composta de unidades menores, conhecidas como célula solar fotovoltaica, dentro das quais ocorre a transformação da luz em energia elétrica.

A maioria absoluta das placas comercializadas no mundo utilizam células solares feitas de Silício, material semicondutor e segundo elemento mais abundante na Terra.

Para isso, o Silício primeiro é tratado e misturado a outros elementos, resultando em duas combinações diferentes que são colocadas sobrepostas para formar uma célula.

De maneira simples, a produção de energia solar fotovoltaica dentro desta célula acontece quando os fótons de luz entram em contato com a camada superior, energizando seus elétrons.

Isso faz com que eles se desprendam e migrem para a camada de baixo através de finas ligações externas, formando uma pequena corrente elétrica.

Isto é o que chamamos de energia solar fotovoltaica.

A potência de uma placa solar é a soma das potências individuais de cada uma das suas células.

Da mesma forma, o painel solar é a soma das potências de cada módulo.

Assim, para que consiga atender todo o imóvel, o arranjo fotovoltaico deve ser corretamente dimensionado de acordo com o seu consumo elétrico.

Inversor

Mas esse é apenas o primeiro passo na produção de energia solar em um sistema fotovoltaico.

Após ser gerada, a energia é enviada para o inversor fotovoltaico, considerado o equipamento  mais importante do sistema.

De fato, sem o inversor a energia produzida pelo painel seria inútil, pois é gerada em Corrente Contínua e o padrão de nossa rede elétrica é de Corrente Alternada.

Caso você queira conhecer os detalhes técnicos, eles estão aqui neste artigo: Corrente Alternada e Contínua: Qual é a diferença entre elas?

Entretanto, o papel do inversor não é só adaptar a energia vinda do painel, mas também direcioná-la.

Antes de explicar como isso funciona, é preciso que você tenha em mente dois conceitos:

  1. Energia elétrica é algo instantâneo, após ser gerada ela deve ser consumida ou armazenada para uso posterior;
  2. Sistemas fotovoltaicos geram energia somente com a incidência de luz do sol, tendo sua produção interrompida durante a noite.

É neste ponto que os dois tipos de sistema, On-Grid e Off Grid, começam a se diferenciar.

Nos sistemas isolados, toda energia gerada pelo painel é convertida pelo inversor e em seguida enviada a um banco de baterias, onde é armazenada para depois suprir o consumo dos equipamentos.

O banco de baterias deve ser corretamente calculado, evitando que o imóvel fique sem energia no período noturno.

Já nos sistemas On-Grid, toda a energia gerada durante o dia que não foi consumida é enviada pelo inversor para a rede da distribuidora, que a utiliza para suprir o consumo de imóveis próximos.

Então, durante a noite, o inversor puxa da rede a energia que precisa.

Essa troca de energia entre consumidor e distribuidora é regulada pela Aneel (Agência Nacional de Energia Elétrica) desde 2012.

Para saber os detalhes, leia o artigo: Resolução 482 da Aneel

Porque usar energia solar

Já te expliquei todo o processo de como é gerada energia solar em um sistema fotovoltaico.

Agora irei lhe mostrar os motivos pelos quais você deve instalar essa tecnologia na sua casa ou empresa. 

Confira abaixo as principais vantagens em se produzir energia solar:

Economia de até 95% na conta de luz

Com um sistema fotovoltaico você pode produzir toda a energia que consome em sua casa ou empresa, passando a pagar apenas pela taxa mínima de luz.

Isso resulta em uma redução de até 95% na conta de luz todos os meses.

Proteção contra a inflação energética e bandeiras tarifárias

Além disso, com um sistema instalado você não precisa mais se preocupar com o aumento da energia elétrica ou bandeiras tarifárias.

A energia que você consome passa a vir da luz do sol, disponível todos os dias e sem aumentos.

Rápido payback

Todos os meses, a redução que você obtém na conta de luz é dinheiro que ficou no seu bolso e parte do investimento no sistema que você teve de volta.

O prazo de retorno do investimento em energia solar, ou seja, o tempo para você recuperar todo o investimento, é muito curto.

A saber, entre 5 e 6 anos para um sistema residencial.

Longa vida útil da tecnologia

Um painel solar dura mais de 25 anos e com baixa perda de eficiência de geração durante esse período.

Em países como Alemanha, onde a tecnologia já é empregada há mais tempo, existem casos de sistemas funcionando há mais de 30 anos! 

Baixa manutenção periódica

Por não utilizar partes móveis, um sistema fotovoltaico não demanda manutenções frequentes.

Fora a limpeza das placas quando muito sujas, a única manutenção necessária é a da parte elétrica, feita uma ou no máximo duas vezes ao ano.

Geração de energia silenciosa

Da mesma forma que não desgasta, a ausência de partes móveis também permite as placas gerarem energia de forma totalmente silenciosa.

Sustentabilidade

A energia solar é produzida pela conversão da luz do sol, fonte de energia alternativa mais abundante em todo o mundo.

É bom para o seu bolso e ótimo para o planeta.

Essas vantagens são as razões pelas quais o número de sistemas cresceu de forma notável em todo o mundo nos últimos anos.

Logo, essa popularização puxou a queda dos preços da tecnologia, que hoje está mais acessível do que nunca.

Além do mais, dezenas de linhas de financiamento em energia solar são oferecidas atualmente.

Em alguns casos, o valor das parcelas é igual à economia obtida na conta de luz.

Está muito fácil aproveitar a energia solar fotovoltaica.

E para te provar isso, separei para você uma ferramenta on-line exclusiva da Blue Sol, a nossa calculadora solar.

Com ela você consegue descobrir em segundos as seguintes informações do seu sistema:

  • Preço;
  • Tamanho (quantidade de placas);
  • Payback (tempo de retorno do investimento);
  • Entre outros…

Clique agora no botão abaixo e veja quanto custa para você produzir a sua energia solar:

Como é Produzida Energia Solar? Os Detalhes e Motivos Para Instalação em Casas e Empresas
4 (80%) 2 vote[s]