Energia Solar em Pelotas: Veja as Razões Para Vender ou Instalar Placas Solares Na Cidade

Energia Solar em Pelotas: Veja as Razões Para Vender ou Instalar Placas Solares Na Cidade
4 (80%) 2 vote[s]

O Crescimento da energia solar em Pelotas tem sido incrível e o mercado carece de novas empresas para atuar com a venda e instalação de sistemas fotovoltaicos, tecnologia que cresceu mais de 170% em 2019 e que encontra na cidade fatores favoráveis ao seu funcionamento.

O mercado de energia solar em Pelotas viu um boom de instalações em 2019.

Até o final de novembro era quase o triplo de sistemas que foram conectados no ano passado.

O que impulsiona esse crescimento? Seus próprios moradores.

Com os altos preços da energia da CEEE (Companhia Estadual de Energia Elétrica), é cada vez maior o número casas e empresas com placas solares.

A tecnologia, que transforma luz do sol em energia elétrica, encontra na cidade fatores favoráveis de geração que resultam no rápido retorno do seu investimento.

Por sua vez, o número de empresas ainda é pequeno e o mercado carece de empreendedores para impulsionar essa tecnologia sustentável.

As chances de faturamento com energia solar são de encher os olhos de qualquer um.

Confira aqui as razões para se investir no mercado de placas solares em Pelotas.

O Crescimento do Mercado de Energia Solar em Pelotas

Mas, como bom empreendedor, compete primeiro conhecer um pouco do cenário da energia solar em Pelotas.

Para isso, nós buscamos os dados de energia solar Aneel (Agência Nacional de Energia Elétrica), que criou o segmento de geração distribuída no Brasil em 2012.

Segundo seu banco de dados, Pelotas teve seus dois primeiros sistemas instalados em 2014, o total daquele ano.

Já em 2019, o total de conexões foi de 157! Consegue perceber essa evolução?

E isso não é só na cidade, mas em todo o Brasil.

Conforme mais facilidades para aquisição e incentivos para a tecnologia foram surgindo, mais consumidores conheceram os sistemas e mais projetos de energia solar começaram a aparecer.

Por sua vez, isso trouxe uma forte queda nos custos da tecnologia que igualmente puxaram o crescimento.

Segundo a estimativa oficial do Ministério de Minas e Energia (MME), serão 1,35 milhão de consumidores com geração própria de energia no Brasil até 2027.

3 Motivos Para Investir em Uma Franquia de Energia Solar na Cidade

Se a tendência do mercado é de crescimento, a pergunta certa seria: por que não investir?

Com o número de instalações solares batendo recordes na cidade, o mercado carece por novos empreendedores.

Confira 3 motivos para investir na venda de painéis solares em Pelotas:

#1 Condições Favoráveis

Mesmo com as tantas vantagens da tecnologia, a energia solar só cresce em Pelotas por causa de uma coisa: luz solar

Os índices de radiação solar da cidade estão entre os melhores do estado do Rio Grande do Sul.

Assim, mais luz significa mais geração, que significa mais energia e economia na conta de luz e, por fim, payback mais rápido.

O retorno do investimento em energia solar na cidade e região é ótimo, em média de 3,49 anos anos.

Já um sistema comercial se paga aproximadamente em 5,58 anos.

Pelotas, situado no terceiro estado com mais sistemas do país, tem outro fator favorável a isso: isenção de icms sobre energia solar.

Toda energia produzida pelo consumidor é isenta desse imposto e também de PIS e COFINS.

#2 Mercado Incipiente

Mesmo com o crescimento impressionante da tecnologia solar em Pelotas nos últimos anos, o mercado ainda está só no seu começo.

São mais de 340.000 habitantes e consumidores de energia elétrica na cidade.

Ou seja, o público da tecnologia ainda não representa 0,01% desse total.

Um mercado em alto potencial para quem busca um negócio lucrativo e duradouro.

#3 Franquia de energia

Pelotas oferece a chance do melhor modelo de negócio hoje no Brasil: Franquia.

Segundo a Associação Brasileira de Franchising (ABF), o mercado de franquias movimentou R$ 43,122 bilhões no segundo trimestre de 2019.

O crescimento foi de mais de 5,9% em relação ao ano passado e mostra a força deste modelo de negócio no país.

Ou seja, as vantagens da franquia fazem dela o melhor caminho para quem busca resultados rápidos e mais expressivos com a venda de energia solar em Pelotas.

Os ganhos podem chegar aos 7 dígitos já no primeiro ano de operação!

Um exemplo disso é a franquia fotovoltaica Blue Sol, empresa com mais de 10 anos de atuação e que ajudou a consolidar o mercado solar fotovoltaico no Brasil.

Através de um investimento de R$206 mil na versão intermediária, você leva a marca e todo o seu know how através de um negócio seu.

O retorno do investimento é previsto em 24 meses e os ganhos projetados são:

Projeções de vendas anual

Ano 1: R$ 2.235.711,00

Ano 2: R$ 3.140.286,00

Ano 3: R$ 3.448.744,00

Neste valor estão inclusos:

Taxa de Franquia  ✔️

Custos Abertura Empresa ✔️

Projeto Arquitetônico da Loja ✔️

Loja ✔️

Showroom ✔️

Hardware, Software e Periféricos ✔️

Ferramentas, EPI, EPC ✔️

Uniformes ✔️

Veículo ✔️

Marketing de Inauguração ✔️

Clique no botão abaixo, conheça os detalhes e como você pode ter uma unidade Blue Sol Energia Solar em Pelotas:

energia solar pelotas

Energia Solar: Como Funciona?

No Brasil inteiro, o tipo de sistema fotovoltaico mais utilizado é o conectado à rede, que funciona em conjunto com a rede pública da distribuidora, neste caso a CEEE.

O funcionamento começa pelas placas solares, que captam a luz do sol e por esse motivo precisam ser instaladas sobre os telhados.

Através de várias células fotovoltaicas em cada placa, a luz é convertida em energia elétrica por meio de um processo chamado efeito fotovoltaico.

Quer saber mais detalhes? Confira: Célula Fotovoltaica – O Guia Técnico Absolutamente Completo

A energia gerada pelas placas é enviada a outro importante equipamento dos sistemas fotovoltaicos, o inversor interativo.

Considerado o cérebro do sistema, o inversor é que adapta a corrente da energia aos padrões que usamos em nossas tomadas.

Depois, a energia é enviada ao quadro de força para então ser distribuída e utilizada por todo o imóvel.

Energia é algo instantâneo, então toda carga gerada pelo sistema e que não foi consumida na hora é enviada a rede elétrica e emprestada para a distribuidora.

Os sistemas geram energia pela luz do sol, dessa forma sua produção está diretamente ligada a quantidade de luz que as placas recebem.

Em momentos de pouca iluminação (começo da manhã e fim da tarde) ou durante à noite, a energia da rede é usada para compensar a pouca geração do sistema.

Ao final do mês, a CEEE irá calcular quanta energia foi injetada e quanta foi consumida de sua rede, informando os valores na sua fatura de luz.

Toda energia que foi injetada é transformada em créditos, que abatem a energia consumida, permitindo a você assim zerar todo o consumo da rede e obter uma economia de até 95% na sua conta.

Para não restar dúvidas, confira a rápida animação abaixo que explica esse funcionamento:

Quanto Custa e Como Instalar?

A resposta é: muito mais barato que continuar pagando a conta de luz para a CEEE.

Um sistema fotovoltaico gera energia por mais de 25 anos, livre de aumentos ou bandeiras tarifárias.

Cada sistema é projetado para atender o consumo elétrico de determinada casa ou empresa.

Assim, quanto maior o consumo, maior o sistema e seu custo, além também da economia na conta.

Por essa razão, não existe uma tabela de preços para sistemas de energia solar.

No entanto, existe um jeito muito fácil para você ter uma ideia bem próxima do custo do seu sistema.

Uma calculadora solar.

Através dela você poderá conhecer o tamanho e custo do sistema ideal para a sua casa ou empresa.

Basta informar a média do seu consumo de energia para que, em menos de 3 segundos, você conheça o resultado.

Confira através do botão abaixo:

energia solar pelotas _ botão simulador