Energia Solar em Goiânia: As informações Que Você Precisa Saber Para Começar Sua Economia Hoje

Energia Solar em Goiânia: As informações Que Você Precisa Saber Para Começar Sua Economia Hoje
5 (100%) 1 vote

Energia Solar em Goiânia é melhor solução energética para você que reside na capital goianiense, que pode economizar até 95% na conta de luz através da instalação de um sistema solar com 25 anos de vida útil e ter o retorno sobre o investimento em cerca de 4 anos. 

O Brasil é um país com um sol de rachar mamona, resultando em um enorme potencial de geração elétrica através da tecnologia solar fotovoltaica. 

Prova disso são o interesse e investimento crescentes dos brasileiros nos sistemas fotovoltaicos e os incentivos proporcionados por governos municipais e estaduais, além do federal.

Goiânia tem se destacado no uso da tecnologia, ocupando a 18ª posição no ranking da energia solar no Brasil como uma das cidades com maior número de sistemas fotovoltaicos instalados.

Geração de Energia Solar em Goiânia

Quando falamos em energia Solar em Goiânia, vemos que o potencial que o município oferece, assim como todo o estado de Goiás, para a geração de energia elétrica através da luz do sol é enorme.

Isso porque eles ficam localizados no chamado “cinturão do Sol”, como é chamada a faixa do Brasil com as regiões que mais recebem índices de radiação solar anual.

Segundo o Atlas Brasileiro de Energia Solar, essa faixa concentra os valores máximos de irradiação solar (média de 5.7 kWh/m²) e engloba o oeste da região Nordestina, incluindo parcialmente o norte de Minas Gerais, nordeste de Goiás e o sul de Tocantins.

Ou seja, essa abundância de sol faz de Goiânia uma das cidades que apresentam maior vantagem no uso da tecnologia e uma das regiões com o melhor potencial para geração de energia solar no Brasil.

Se um sistema de energia solar em Goiânia, que custa a mesma coisa do que no resto do Brasil, gera mais energia devido a quantidade de sol, significa que a energia solar fotovoltaica em Goiânia é uma excelente alternativa para reduzir a sua conta de Luz.

Energia solar Residencial em Goiânia

Não a toa, o número de consumidores residentes em Goiás que optam por gerar a sua própria energia aumenta a cada ano e, hoje, o Estado já é o 10º com maior número de instalações de sistemas fotovoltaicos, com atuais 1.484 sistemas, sendo a maioria deles, ou 1.236, de sistemas  de energia solar residencial.

Os motivos para isso, fora a já mencionada alta disponibilidade de luz solar, são os incentivos que governo estadual oferece para os moradores que desejam gerar a sua própria energia limpa, por reconhecer a importância das fontes de energias sustentáveis para a qualidade de vida da população.

Entre eles, destacam-se a isenção do ICMS sobre a energia gerada e injetada na rede da distribuidora local, a CELG, que devolve essa energia ao consumidor na forma dos créditos energéticos, usados pelo consumidor para compensar daquela energia consumida nos momentos em que não há geração (à noite).

Esse sistema de compensação de energia elétrica faz parte das regras criadas pela ANEEL para a geração distribuída de energia no Brasil, lançadas em 2012 através da sua Resolução Normativa 482 e que valem para todos os sistemas conectados à rede.

Confira, no vídeo abaixo, o funcionamento do sistema de energia solar residencial e a geração dos créditos energéticos:

Graças a esse sistema de compensação, os consumidores que optam por gerar a sua energia através de um sistema solar fotovoltaico conectado à rede (On-Grid), podem economizar em até 95% o valor da sua conta de luz todos os meses.

Para os moradores da ensolarada e quente Goiânia, que fazem grande uso de aparelhos de ar condicionado para lidar com o calor de até 40ºC, essa é uma economia altamente atrativa, ainda mais quando falamos em um sistema de longa vida útil (acima de 25 anos) e retorno de médio prazo (de cerca de 4 anos).

Ar-condicionado: o grande vilão do verão (Exceto para o Cliente Solar)

Durante os dias mais quentes e nos meses de verão, o ar-condicionado é responsável pelo maior gasto de energia, o que faz com que o valor da conta de luz aumente significativamente.

Apesar disso, quem utiliza um sistema de energia solar em Goiânia consegue economizar mesmo em dias extremamente ensolarados e quentes.

Isso porque a maior utilização do ar-condicionado acontece nos momentos em que o dia está mais quente, quando existe maior intensidade da luz do sol.

E é justamente quando o sol está mais forte, com uma maior intensidade de radiação solar, que o sistema fotovoltaico apresenta o seu pico de geração de energia.

Dessa forma, se você possuir um sistema fotovoltaico em sua residência/comércio, conseguirá economizar muito na conta de energia.

Mesmo tendo que abusar do uso do ar-condicionado para suportar as altas temperaturas, você estará utilizando a energia gerada pelos painéis solares.

Chuveiro elétrico: o grande vilão do inverno (Exceto para o Cliente Solar)

No inverno ou em dias mais frios, outro vilão também pode aparecer para fazer a conta de luz ficar mais alta: o chuveiro elétrico.

Com os altos índices de radiação solar em Goiânia, cada metro quadrado exposto ao sol na cidade recebe energia suficiente para aquecer um chuveiro elétrico comum por mais de uma hora por dia.

Ao contrário do verão, no inverno e em dias muito frios, o chuveiro torna-se o grande vilão da conta de luz por consumir muita energia elétrica.

Mesmo assim, quem utiliza a energia solar em Goiânia também pode economizar até mesmo se o dia estiver nublado ou com chuva.

Isso porque nos dias em que a geração de energia solar pelo sistema fotovoltaico é maior do que a necessidade de consumo do imóvel/comércio, o excedente é direcionado à rede da concessionária (como a CELG, por exemplo) e convertido em créditos energéticos.

Incentivos e Isenções sobre a Energia Solar em Goiânia 

Pretendendo se tornar uma referência nacional em energia Solar , o governo de Goiás lançou em 16 de fevereiro de 2017 o Programa Goiás Solar, um pacote de políticas públicas e adoção de medidas para valorizar o uso dos recursos naturais do estado, visando, com isso, garantir melhor qualidade de vida à população e um crescimento sustentável da economia goiana.

E, dentro dos segmentos incentivados, está a geração distribuída, onde consumidores geram a própria energia através de micro e minigeradores, uma excelente forma de reduzir a demanda por energia na cidade e reduzir as emissões de gases poluentes, além de contribuir para a segurança do fornecimento central de eletricidade.

Para incentivar a instalação de sistemas solares fotovoltaicos, o governo aderiu à isenção de ICMS na energia gerada pelo sistema fotovoltaico e injetada na rede de distribuição das concessionárias de energia.

Essa medida já se encontra em vigor para todos as unidades microgeradoras de energia fotovoltaica do estado (casas e estabelecimentos comerciais).

Esse incentivo fiscal torna a utilização da energia solar em Goiânia ainda mais viável.

O alto custo da energia elétrica em nosso país também contribui para que o investimento em um sistema solar fotovoltaico seja viável, fazendo com que o retorno do investimento seja cada vez mais rápido.

A queda nos preços das placas solares também vem se destacando como importante incentivo, assim como a cada vez mais eficiente conexão à rede elétrica das concessionárias. Essas são vantagens da energia solar que ajudam acelerar a utilização dessa tecnologia.

Energia Solar Comercial e Industrial em Goiânia

Dos 1.484 sistemas instalados no estado de Goiás, 167 são instalações comerciais e industriais. Fazendo uma análise da competitividade da geração fotovoltaica para aplicação comercial, percebemos um grande potencial para crescimento.

De acordo com a Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL), a tarifa média comercial corresponde a 89% da tarifa média residencial, aproximadamente.

Por outro lado, o custo médio da geração fotovoltaica estimado é, na aplicação comercial, 86% do custo calculado para a aplicação residencial.

Ou seja, se por um lado a tarifa de fornecimento comercial é, em geral, mais baixa do que a residencial, o custo médio da geração fotovoltaica na aplicação comercial tende a ser relativamente mais reduzido, o que significa que permanecem válidas para esse caso as conclusões indicadas no caso da aplicação residencial quanto à competitividade da fonte fotovoltaica distribuída.

Importância da Energia Solar em Goiânia para a Matriz Energética Brasileira

Atualmente, grande parte da energia elétrica em Goiânia origina-se de usinas hidrelétricas distantes.

Essas usinas são conectadas ao estado por um sistema de distribuição complexo e dispendioso que sofre grandes perdas de energia.

Os sistemas solares fotovoltaicos podem ser instalados no próprio ponto de consumo, minimizando as perdas de transmissão e adicionando parte de sua geração na rede elétrica, sem custos maiores de infraestrutura.

Dessa forma, a utilização da energia solar em Goiânia, ou em qualquer outro lugar na verdade, auxilia na melhora da matriz energética do Brasil, ainda extremamente dependente das usinas hidrelétricas que estão tendo a sua geração de energia prejudicada pelos longos períodos de estiagem.

 

Popularização da Energia Solar em Goiânia

Goiás acabou de ultrapassar a marca histórica de 14 Megawatts (MW) de energia solar fotovoltaica instalada.

Desde o lançamento do Programa Goiás Solar até agora, o Estado passou da 17ª posição no ranking nacional de energia solar fotovoltaica para a 7ª colocação. 

Preço da energia solar fotovoltaica em Goiânia

Como são dimensionados para suprir o consumo elétrico de cada cliente, os projetos de sistemas fotovoltaicos são feitos de forma exclusiva para cada um, em virtude também de dados locais de geração de cada imóvel e localidade.

No entanto, tomando como base o consumo elétrico de equipamentos básicos para qualquer residência, como geladeira, ar-condicionado e máquina de lavar, chegamos aos valores médios abaixo para casas de pequeno, médio e grande porte:

Nível de ConsumoPequenoMédioGrande
Potência do Sistema2 kWp4 kWp8 kWp
Faixa do consumo mensal250 a 350 kWh/Mês550 a 660 kWh/Mês1000 a 1100 kWh/Mês
Preço médioR$14.080,00R$23.040,00R$41.200,000

Os valores acima foram calculados com base no custo médio nacional do watt de energia solar, computados em junho de 2018 pela empresa de pesquisa Greener e divulgados em seu relatório “Estudo Estratégico – Mercado Fotovoltaico de Geração Distribuída – 2º Semestre de 2018”.


Empresa de Energia Solar em Goiânia: Franquia Blue Sol
  

A Blue Sol, pioneira no setor e umas das empresas de energia solar líder do mercado hoje, conta agora com atendimento local no estado de Goiás, através da sua franquia de energia solar em Goiânia, comandada pelos parceiros Arthur Santana e Igor Ferreira, e a qual já conta com vários sistemas instalados e clientes satisfeitos.

Apoio aos novos Clientes Solares

A Franquia Blue Sol Goiânia chega com o objetivo de apoiar os novos clientes solares do estado de Goiás. Ou seja, se você possui interesse em energia solar em Goiânia, a Blue Sol estará aí para te ajudar.

Com larga experiência na implantação de sistemas em todo o Brasil, a empresa pode oferecer aos clientes confiabilidade e segurança na venda de uma solução com vida útil de durabilidade que pode passar de 25 anos.

Franquia Blue Sol Goiânia – Contato

Endereço: Rua 86 Nº37 (esquina c/ Praça Cruzeiro) Setor Sul, Goiânia – GO CEP 74083-385

Telefone:  (62)3622-7622  / Whatsapp: (62)98133-4112 

E-mail:  arthur.santana@bluesol.com.br

Quer fazer uma simulação do seu Sistema Fotovoltaico e saber o quanto você pode economizar com a energia solar aí em Goiânia? Então clique no botão abaixo:

simulador solar

 

 

 

 

Analista de Marketing
Redator e Tradutor