Conheça a Energia Solar em Maringá e Saiba Agora o Preço do Projeto Para Sua Casa ou Empresa

Conheça a Energia Solar em Maringá e Saiba Agora o Preço do Projeto Para Sua Casa ou Empresa
5 (100%) 1 vote[s]

Energia Solar em Maringá é a solução para quem paga caro na conta de luz da Copel e cresceu mais de 153% em 2018. Descubra como funciona a tecnologia dos sistemas solares fotovoltaicos e saiba o preço do projeto para reduzir a conta de sua casa ou empresa.

Economizar até 95% na conta de luz por mais de 25 anos. É isso o que você pode obter com a energia solar em Maringá – PR.

Além disso, você também fica imune à inflação energética e ainda valoriza o seu imóvel durante esse período.

Tudo isso pode ser seu através da instalação de um sistema de energia solar fotovoltaica, ou, simplesmente, sistema fotovoltaico.

São, hoje, centenas de consumidores na cidade que fazem uso dessa tecnologia em suas casas e empresas.

E não só eles, mas também a própria prefeitura de Maringá já está utilizando a tecnologia em projetos públicos.

Confira neste artigo como as placas solares em Maringá podem trazer economia e segurança para você e sua família.

Energia Solar: O Que É e Como Funciona

Luz do sol convertida diretamente em energia elétrica. É assim que podemos definir a energia solar fotovoltaica.

Para isso, os sistemas fotovoltaicos utilizam um conjunto de equipamentos, chamado de kit de energia solar.

Depois de instalados e funcionando, eles geram a energia, distribuem ela pela casa/empresa e injetam todo o excedente na rede da Copel.

Sim, os sistemas funcionam em conjunto com a rede elétrica, que passa a funcionar como uma bateria, armazenando a energia durante o dia e suprindo o consumo nos períodos noturnos. 

Separei um vídeo que explica rapidamente o funcionamento de um sistema solar fotovoltaico, confira abaixo:

Créditos Energéticos

Você viu então que toda a energia gerada pelas placas solares e injetada na rede da Copel é convertida em créditos para você.

É esse sistema, chamado de compensação de energia elétrica, que possibilita a economia de até 95% na sua conta de luz.

Criado em 2012 pela ANEEL (Agência Nacional de Energia Elétrica), ele que possibilitou a geração elétrica pelos próprios consumidores.

Os créditos são utilizados para abater o que você consumiu da rede nos momentos de pouca ou nenhuma geração do sistema solar, como durante à noite.

E, como os sistemas são projetados para gerar toda a energia do imóvel, os créditos gerados quase sempre serão suficientes para abater tudo o que foi consumido da rede.

Eles podem até sobrar e, nesse caso, ficam válidos para você por até 5 anos.

Além disso, esses créditos permitiram 3 novas modalidades de geração, criadas pela Aneel em 2015.

A partir elas, até mesmo quem não tem espaço no telhado ou não possui um próprio, passou a poder gerar a sua energia solar.

Conheça tudo sobre o assunto no artigo completo: Geração de Energia Solar: 3 Modalidades

Energia Solar: Quanto Custa?

Para conseguir entregar a economia de até 95% na conta, um sistema tem que ser projetado exclusivamente para cada casa ou empresa.

Isso porque cada um deles possui um consumo elétrico que deverá ser atendido pelas placas de energia solar.

Dessa forma, não existe uma tabela de preços para você descobrir o custo do seu sistema.

Mas, não se preocupe. Existe uma solução e eu apresento ela aqui para você. Trata-se de uma calculadora solar.

Informando apenas o valor mensal gasto com a conta de luz e o seu CEP, este simulador consegue te mostrar uma estimativa bem aproximada do seu projeto.

Através do botão abaixo você poderá conferir, em menos de dois segundos, não só o valor do seu sistema, mas também a quantidade de placas, tempo de retorno do investimento e muito mais…

Clique aqui e simule quanto custa instalar energia solar-e gerar sua energia

Tempo de Retorno da Energia Solar em Maringá

Adquirir um sistema de energia solar é realizar um investimento.

E, como qualquer investimento, você também vê o retorno do seu dinheiro com a energia solar.

Mas, o melhor de tudo, é que o prazo para retorno do investimento em energia solar é muito baixo em Maringá. 

E a prova disso está no estudo realizado pela empresa de energia COMERC, que calculou esse tempo de retorno (também conhecido como payback) em cada uma das regiões do Brasil.

Um sistema residencial instalado no Paraná, com base na tarifa da Copel, se paga em média em 4,95 anos.

O prazo médio para sistemas comerciais é de 6,91 anos.

Em ambos os casos, o prazo se mostra altamente atrativo quando comparado aos mais de 25 anos de vida útil do sistema.

Aliás, a longa vida útil é apenas uma das vantagens da tecnologia, que ainda conta com:

  • pouca manutenção periódica;
  • geração limpa e 100% silenciosa;
  • equipamentos com alta durabilidade e proteção contras intempéries;
  • rápida instalação, e muito mais…

Uso da Energia Solar em Maringá – PR

Você conheceu como funciona a tecnologia e já sabe o preço do seu projeto, mas pode ainda estar se perguntando se a energia solar é viável em Maringá.

A resposta é um grande SIM. São centenas de consumidores já utilizando painéis solares na cidade.

Segundos os dados da Aneel, que monitora o número de sistemas no Brasil, são 326 conexões registradas em Maringá atualmente.

Com uma população de mais de 342 mil habitantes, o potencial de crescimento da energia solar na cidade é muito grande.

Isso abre espaço também para quem busca como ganhar dinheiro com energia solar em Maringá.

A maioria dos sistemas instalados são residenciais e comerciais, além de projetos em indústrias, agronegócios e até obras públicas.

Um exemplo de sistema residencial é o do José Marques, clientes da Blue Sol.

Foram apenas 5 placas necessárias para reduzir a conta de luz da sua casa em até 95%.

Placas de Ruas Solares em Maringá

Você, que é morador de Maringá, deve ter começado a notar algo diferente nas placas de ruas da cidade.

Isso porque a prefeitura da cidade começou a instalar placas solares em seus postes, que irão gerar energia para a iluminação das placas à noite.

O objetivo, segundo a prefeitura, é melhorar a sua visualização para os motoristas.

Mas não é só isso, os postes também terão saídas USB para carregamento de celulares, tablets e outros equipamentos eletrônicos.

A energia gerada pelos painéis fotovoltaicos durante o dia será armazenada através de baterias para a sua utilização durante à noite.

Serão um total de 60 postes solares instalados, e os primeiros já podem ser vistos no centro da cidade e próximo a Catedral.

A ideia foi inspirada em projeto semelhante aplicado na cidade de São Paulo, mas que utiliza a energia da rede elétrica.

Os postes iluminados de Maringá, além de ajudar os motoristas e população, também irão contribuir para a sustentabilidade do planeta.

Portanto, seja em telhados ou em postes, parece que a energia solar em Maringá estará cada vez mais presente.


E então, gostou do artigo? Deixei aqui seu comentário, sugestão ou dúvida. Sua opinião é muito importante para nós!